Nova Escola de Marketing

Conheça o Content Marketing World, maior evento mundial de conteúdo

Essencial do Marketing Digital

A maior conferência mundial sobre conteúdo aconteceu em Cleveland esta semana, entre os dias 9 e 12 de setembro. Organizado pelo Content Marketing Institute (CMI), que tem sede em Cleveland, o Content Marketing World chegou à sua terceira edição em 2013, reunindo 1.700 pessoas de 42 países para discutir como gerar conteúdo de qualidade para marcas em todo o mundo. De 2012 para 2013 o evento cresceu 70% em número de participantes.

Com objetivo de orientar empresas B2B e B2C dentro do novo cenário de marketing, o evento se tornou referência para profissionais responsáveis pela presença digital de marcas e empresas, atraindo atenção de executivos de marcas como Coca-Cola, Xerox, GE, Motorola, Cisco e centenas de outras.

O evento contou com mais de 50 palestras, apresentações, keynotes e workshops. O último keynote foi de ninguém menos que William Shatner, ator canadense que se tornou mundialmente conhecido atuando como o Capitão Kirk da série Jornada nas Estrelas. O ator é um ídolo americano e também diretor de diversos projetos para cinema, TV e internet.

Shatner compartilhou sua visão sobre o Storytelling e mostrou projetos de conteúdo que desenvolveu ao longo da última década, como o Brown Bag Wine Tasting, programa sobre vinhos exibido na internet, que promove degustações sem revelar o rótulo do vinho.

marketing de conteúdo

O conceito de marketing de conteúdo não é novo, mas ganhou uma nova alma a partir das ferramentas digitais. O primeiro projeto de Content Marketing foi a revista The Furrow, publicada no século 19 pela John Deere, fabricante de tratores. A revista abordava temas de interesse dos fazendeiros e ao mesmo tempo aculturava sobre a importância de ter um trator para cuidar da propriedade.

O Content Marketing, ou marketing de conteúdo, é uma estratégia que consiste em usar o conteúdo como a base do marketing digital, fazendo com que todos os canais e ferramentas trabalhem de forma integrada a partir da história a ser contada. Ao invés de fazer propaganda pura e simples, o marketing é desenvolvido através de conexões mais profundas com os clientes, contando as histórias da marca e o impacto de seus produtos ou serviços em seus clientes.

Com todas as ferramentas que existem à disposição dos profissionais de marketing hoje, é possível medir o resultado de cada ação, pesquisar e entender melhor os clientes de cada empresa e fazer alterações táticas em tempo real qualquer estratégia.

O tema explodiu quando a Coca-Cola lançou há 2 anos sua estratégia de marketing para esta década, 100% baseada em conteúdo. Os dois vídeos que apresentam esta estratégia podem ser vistos aqui:

Jonathan Mildenhall, Diretor de Marketing da Coca-Cola, apresentou um dos keynotes do Content Marketing World.

O conceito do “marketing de conteúdo” está tomando conta do ambiente de marketing, e se torna mais essencial à medida que os consumidores adotam cada vez mais plataformas de comunicação e entretenimento digitais. O consumidor moderno é menos aderente à marcas e mais aderente à histórias.

Convergência, marcas e conteúdo

A internet trouxe grandes mudanças e desafios aos profissionais de marketing. Quanto mais os mundos offline e online convergem e se complementam, mais cresce a responsabilidade dos profissionais que conduzem o posicionamento das marcas em meio às mudanças.

Este novo cenário obriga os profissionais a entender e atuar de forma sustentável nos diversos pontos de contato do mundo digital: websites, e-mail, mobile, busca, mídias sociais, CRM, e-commerce.

O objetivo da Conferência é trocar experiências, boas práticas e experiências de marketing online em todo o mundo, disseminando boas práticas e pensando em como todos os pontos de contato convergem através do conteúdo.

Enquanto veículos tradicionais como jornais, revistas e canais de televisão perdem parte de sua audiência gradualmente, o tempo dedicado pelos consumidores enquanto consomem conteúdo na internet cresce ano após ano. Uma pesquisa apresentada no evento aponta que em 2013 um usuário médio de internet passa 10,7 horas por dia conectado à internet, sendo impactado por conteúdo em sites, blogs, portais, mídias sociais e e-mail.

Impactos no Marketing

O Marketing B2B está sendo completamente reinventando a partir das ferramentas digitais de conteúdo, mídia e relacionamento com clientes.

Mercados B2B com longas cadeias de fornecimento, mercados de nicho e empresas especializadas nos mais diversos produtos e serviços hoje são beneficiados profundamente por ferramentas digitais como o Google, o E-mail Marketing e Blogs de relacionamento com clientes.

Através do conteúdos como cases, artigos detalhados, vídeos com informações de uso e demonstrações, pesquisas, guias de uso, entrevistas com outros clientes, debates, fóruns e blogs, as empresas hoje podem falar individualmente com cada um de seus clientes, com grupos de clientes segmentados ou com todos os clientes, sem precisar de intermediários, de mídia ou de publicidade.

Ao construir sua própria audiência, as marcas podem superar vácuos no relacionamento com seus clientes, atendendo melhor e abrindo inúmeras oportunidades de mercado.

Don Schultz, professor da The Medill School e pai do conceito de marketing integrado, apresentou um keynote sobre os desafios do marketing em tempos nos quais os consumidores são menos suscetíveis à marcas e melhor informados.

Joe Pulizzi em sua palestra, vestido de terno e sapato laranja, o evento também é um show

Content Marketing World 2013

Cleveland é uma próspera cidade do meio-oeste americano, no estado de Ohio. Localizada no extremo norte dos Estados Unidos, fica à beira do lago Erie, que faz fronteira com o Canadá. A cidade possui uma excelente infra-estrutura de transportes, com dois aeroportos, porto, trens de carga e passageiros, além de universidades e grandes empresas, como a Ernst & Young e o Banco Keystone.

A NASA possui um centro de desenvolvimento em Cleveland, o Glenn Center. A cidade também tem um edifício do FBI e é a sede do Rock n Roll Hall of Fame, o maior museu de rock do mundo. Cleveland, aliás, é a terra natal do rock. Com um rico cenário econômico e cultural, a cidade reúne diversas empresas de mídia, como a gigante Penton House.

Foi neste cenário que nasceu o CMI – Content Marketing Institute, fundado por Joe Pulizzi, da então Junta42. A empresa fundada por Pulizzi entrou há pouco tempo na lista das 500 empresas americanas de crescimento mais rápido.

O Cleveland Convention Center é um complexo de convenções mo coração de Cleveland, cercado por hotéis, restaurantes e escritórios. Com capacidade para mais de 3.000 pessoas, é onde acontece a conferência, desde 2011.

O formato do evento é muito interessante: o primeiro dia é reservado para workshops de 5 horas de duração, com 3 ministrantes em média, e acontece na tarde da segunda-feira.

A terça e quarta-feira são os dias das palestras e keynotes, com uma média de 5 sessões simultâneas, e sessões inclusive na hora do almoço. O evento fornece o almoço, na forma de pequenas cestas de papel com sanduíche, massa, salada, fruta, bebida e cookie. São 4 tipos de combinações de cesta: as pessoas pegam uma cesta à escolha e então se dirigem à palestra de interesse, e almoçam enquanto a apresentação acontece.

A quinta-feira, último dia do evento, é reservada aos fóruns de discussão temáticos, que são seis no total.

Os temas das palestras abordam os mais diversos aspectos de conteúdo:  criação, calendário editorial, storytelling, mídias sociais, SEO, testes A/B, métricas, estratégia de conteúdo e vídeo marketing.

O hall do evento ainda conta com uma loja de livros, onde são vendidos livros dos palestrantes presentes no evento, uma feira de exposições com mais de 20 estandes de plataformas e tecnologias de gerenciamento de conteúdo e também um grande auditório, com capacidade de receber todos os inscritos simultaneamente.

O networking é bastante estimulado e acontece a todos os momentos, tanto nos coffee-breaks quanto no eventos noturnos e recepções organizadas por patrocinadores. Este ano foram duas festas: uma oferecida pela Skyword no Rock n Roll Hall of Fame e outra pela Compendium, no House of Blues. Foram duas ótimas festas!

Para os padrões americanos, é um evento de preço médio, com custo de inscrição aproximado de US$ 1.000 para quem compra os 4 dias com a maior antecedência, que é de 9 meses. Às vésperas do evento o custo chega aos US$ 1.600. Há hotéis em Cleveland com preços de US$ 65 até US$ 400 por diária, dependendo da distância que ficam do centro e do nível de conforto que oferecem. Incluindo passagens, alimentação e hospedagem, o custo chega aos US$ 4.000 em média.

Sem dúvida é um bom investimento, ainda mais num mundo onde o Conteúdo é Rei!

Rafael Rez

Rafael Rez

Autor do livro "Marketing de Conteúdo: A Moeda do Século XXI". Possui MBA em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) em 2013. Fundador da consultoria de marketing digital Web Estratégica. Além de Empreendedor e Consultor, é Professor de Pós e MBA em diversas instituições de ponta. Em 2016 fundou a Nova Escola de Marketing.

Cursos de Marketing Digital

Deixar Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.
















Patrocinadores

Web EstratégicaMonetizze

Apoiadores

SEMRushLeadLoversUmbler Hospedagem de Sites