Nova Escola de Marketing
Automação de Marketing

Automação de Marketing: 3 estratégias que você pode implementar hoje!

Cursos de Marketing Digital

Você ainda está fazendo disparos de campanhas para listas grandes e anônimas? A pesquisa mais recente da Smart Insights e GetResponse – E-mail Marketing and Marketing Excellence Research 2017 – mostra que muitas empresas ainda não estão usando a automação de marketing. Mais da metade (54%) classificaram seu uso de automação de marketing como algo limitado, incluindo cerca de 20% que não estavam usando nenhuma ferramenta.

Se isso te descreve, então a parte do “tiro” pode significar “tiro no escuro”. Em uma era onde o CPC e o SEO permitem que você atinja um público-alvo procurando exatamente por empresas como a sua, e-mails sem propósito estão se tornando rapidamente uma coisa do passado.

A maioria das empresas já possui todos os ingredientes – uma plataforma de e-mail, um CRM cheio de dados de clientes e uma fonte de leads que lhe dá tudo o que é preciso. Começar pode parecer assustador, mas ao dar o primeiro passo com algumas dicas básicas, você pode criar uma estratégia automatizada completa em pouquíssimo tempo.

E para te mostrar que usar um software de automação de marketing não é um bicho de sete cabeças, vamos falar de 3 estratégias que você pode colocar em prática hoje. Continue lendo!

Dicas para uma automação de marketing certeira

Dica 1: Conteúdo Dinâmico

A maioria das empresas tem uma riqueza de informações sobre seus clientes B2B em seu banco de dados de e-mail ou CRM. O conteúdo dinâmico para e-mail é uma ótima maneira de aproveitar bem esse conhecimento, oferecendo conteúdo diferenciado que reflete o comportamento e o histórico de seus clientes.

É possível fazer esse tipo de segmentação manualmente se você não se importar de trabalhar com uma planilha por muito tempo. Mas a maioria dos sistemas de CRM e e-mail pode ser integrada às ferramentas de automação para fazer o trabalho pesado por você.

Comece com algo simples – ao promover um e-book você pode variar sua frase de chamada, dependendo se o seu contato é um diretor técnico ou um diretor financeiro, por exemplo.

Um e-mail com ofertas especiais pode usar o histórico de compras em seu CRM para promover descontos em produtos semelhantes – outra ótima maneira de manter as coisas relevantes para seu público-alvo.

Esse tipo de segmentação pode levar as taxas de cliques a serem 62% mais altas, e isso apenas utilizando informações em seu banco de dados de e-mail. Se sua plataforma de e-mail puder se integrar a uma plataforma de análise da web para incluir o histórico de navegação recente em seu site, melhor ainda.

Também é mais fácil gerar relatórios sobre campanhas dinâmicas únicas em vez da segmentação de várias campanhas. Seja como for, o conteúdo dinâmico é uma ótima maneira de fornecer conteúdo que seu público quer ver.

Dica 2: Campanhas em série

Uma série de e-mails oportunos para o seu público pode ser extremamente eficaz, especialmente para apresentar novos clientes ao seu negócio.

Alguns estudos de caso mostraram uma taxa de conversão de 98% para esse tipo de campanha ‘em série’. O objetivo é criar ações de comunicação direcionadas e enviadas à base de contatos em intervalos regulares para educar os clientes, receber novos clientes e aquecer novos leads.

As campanhas seriadas podem ser especialmente relevantes para empresas com longos prazos de vendas, ajudando a manter contato regular com clientes em potencial enquanto fornecem conteúdo direcionado.

Campanhas em série são fáceis de configurar, mas gerenciá-las com eficiência é fundamental. Para começar, veja se sua plataforma de e-mail suporta o envio automático acionado – o tempo e uma experiência consistente para todos os seus contatos serão fundamentais.

Também é importante avaliar o envolvimento com sua campanha e saber quando um contato está envolvido o suficiente para o abordar diretamente. Se a pontuação de leads for um recurso que você pode usar para medir e automatizar, esse é o momento perfeito para usá-la.

As campanhas longas também se beneficiam de um centro de preferências – uma alternativa a um simples cancelamento de inscrição, que oferece várias opções para manter seu público envolvido e permitir mais segmentação.

Receita 3: Campanhas de Nutrição

A nutrição de leads geralmente é vista visualmente como um funil, mas é realmente mais preciso vê-la como um regador – ela permite que o público se diversifique e escolha sua própria jornada por meio de suas campanhas automatizadas pré-planejadas.

Uma campanha de nutrição segmentará seu público com base na interação deles com suas comunicações, enviando-os automaticamente em direções diferentes com base em seus interesses.

Esse nível de automação de marketing pode ajudar a gerar mais leads a um custo muito menor do que o uso de campanhas estáticas não segmentadas. Uma grande parte dessa economia pode ser atribuída ao tempo economizado – uma campanha de nutrição bem planejada pode durar semanas ou até meses, e depois os ajustes são simples de serem executados.

Do ponto de vista de vendas, nutrir é uma opção particularmente boa para leads “mornos” – contatos que se engajaram com seu site ou campanhas de alguma forma, mas não estão prontos para serem abordados com uma proposta direta. Em exemplo de segmentação que pode ser trabalhado e conduzido para uma estágio de compra.

Para que suas campanhas de nutrição sejam bem-sucedidas, certifique-se de que seus designs de e-mail tenham muitas chamadas e links para ação. Mais opções para seu público-alvo significa uma melhor segmentação para você. Conectar os pontos entre a análise da web e o e-mail também pode fornecer informações essenciais sobre as jornadas do usuário, que podem ser refletidas em suas campanhas.

Encontrar tempo para economizar tempo

Os prospects agora estão prontos para interagir com a sua marca. As mídias sociais e a pesquisa têm tudo a ver com a conexão com seu público-alvo quando estão procurando por você, e não o contrário.

Com tempo suficiente você consegue analisar seu tráfego na Web, resultados de campanha e segmentar seu público manualmente por meio de relatórios em Excel e CRM. Mas com a automação de marketing, cada vez mais profissionais de marketing procuram uma solução integrada .

Para aqueles que dão seus primeiros passos no caminho da automação, é como aprender a cozinhar: apenas pegue uma receita de cada vez.

===

Esse post foi escrito pela LAHAR, um software de automação de marketing robusto com essas e muitas outras funcionalidades.

Rodrigo Tucunduva

Possuo experiência de mais de 14 anos na área de desenvolvimento de software/projetos e experiência de mais 10 anos em marketing digital, atuando vertentes como geração de Leads, blog, email marketing, análise de resultados, mídias sociais, SEO e compra de mídia paga para empresas nacionais e multinacionais de vários segmentos.

Sou co-fundador da Startup LAHAR.

Cursos de Marketing Digital

Opinar
















Patrocinadores

Web EstratégicaMonetizze

Apoiadores

SEMRushLeadLoversSambatechUnbounceHuggyDigital Manager Guru